O chefe da diplomacia angolana, Tete António, chega terça-feira(12.10) para uma visita de trabalho de dois dias a Federação Russa

O ministro das Relações Exteriores de Angola, Tete António, inicia à Moscovo, uma visita de trabalho a convite do homólogo russo, Serguey Lavrov.

O encontro de trabalho entre os ministros Tete António de Angola e Serguey Lavrov da Rússia se inscreve no âmbito bilateral e multilateral entre os dois países.

Angola e Rússia têm relações privilegiadas desde 8 de Outubro de 1976, data em que foi assinado, em Moscovo, na altura capital da antiga URSS, o Tratado de Amizade e Cooperação.

A 16 de Novembro de 2004, os dois países rubricam, em Luanda, um acordo para o relançamento da cooperação nos domínios económico, técnico-científico e, no dia seguinte, criaram a comissão intergovernamental de cooperação económica, técnico-científica e comercial.

Actualmente, a cooperação é mais significativa nos sectores da energia, geologia e minas, ensino superior, formação de quadros, defesa e segurança, telecomunicações e tecnologias de informação, pescas, transportes, finanças e banca.

Em 2019, as autoridades angolanas estimavam que viviam em Angola mil russos, enquanto mil e quinhentos angolanos residiam na Rússia.

pt_PTPT_PT